segunda-feira, 11 de maio de 2015

Efésios 6:12 : Fortalezas

.

Não tenho aqui a pretensão em dar um sentido teológico, visto que há muitos artigos na internet, sendo pesquisado fatalmente oferece e dá para colher muitas ideias, conceitos formas e valores. Assimilando e entendendo os escritos,
entregando assim muitas ferramentas para formular um adequado ponto de vista ou como diz o pensador: "Uma vista além do ponto"- Elanklever. Baseado na oração e orientação do Espírito da Verdade.

Antigamente visto a grande segurança que as Cidades precisavam diante do perigo de invasões militares, criavam-se grandes fortalezas. "Embora hoje em dia também precisemos de armaduras diferentes, tais como vigilância, cuidados, atenção, previsão. Os soldados, naturalmente tinham todo um cabedal de armaduras de ataque e defesa "roupas, couraças e assim por diante", devidamente adaptadas à segurança diante da necessidade de "ataque/defesa".

Vemos claramente que a Bíblia cita, muitas passagens em que se utiliza este termo de forma literal e também alegórica, representativa.

Ex: Espada da fé, couraça da justiça, fortalezas, armaduras, escudo da fé, revesti-vos.

Efésios 6:11- Revesti-vos de toda armadura de Deus para que possais estar firmes, contra as astutas ciladas do diabo. E também segue este capítulo todo fazendo referência a tal propósito.

Interessante: Revestir, porque não é apenas vestir? Parece que é para tirar uma e colocar outra. Tirar uma que não serve e colocar outra adequada.

Armaduras de Deus ou fortalezas da Carne? Revestir, tirar uma e colocar outra.

Infelizmente estamos cheios de armaduras, fortalezas, couraças etc... da carne "longe do espírito", criados pelos conceitos não delineados pela palavra de Deus, mas pela experiências que naturalmente colhemos no dia a dia.

Somos cheios de razões "sem importar se são erradas, porque naturalmente não precisam serem revestidas de nada, já são certas"?", desculpas, palavras de acusação, retalhos de conhecimentos, tradições e contradições e mais; pouco gostamos de aprender ou reaprender.

Quando alguém nos diz que precisamos estudar, revoltamos, parece que estamos sendo desafiados, é, já sabemos tudo. Ser como criança não é sermos infantis, mas estarmos dispostos a aprender, sim com vontade. A vontade é algo pessoal e único. Assim como humildade é estar aberto ao aprendizado e não ser apenas um dependente sem opiniões.


Não é fácil ! Escudos, espadas, armaduras não são para coisas fáceis! Precisamos de coragem bem direcionada, vontade, discernimento, estudo da palavra. Não somente leitura,  mas ver o verdadeiro significado das palavras, o sentido, discernimento nos ajuda a sair do emaranhado e lutar limpamente com as armas da fé. Meditação e oração. Muita gente querendo prêmio sem treino, ou sem luta. Cada um tem sua ciência e consciência. O único objetivo da salvação é remodelar o caráter.

A tomada do terreno, sim do próprio terreno é com luta. Toda luta é para libertação! Sim encontrar a verdade, a realidade que pertence a Deus. Mas, libertar de que?

Infelizmente acomodamos em nome de "Jesus", esquecemos do caráter do maior "VENCEDOR", Jesus. O ensino e o treinamento. O ensino é esquecível, mas o treino é inclusivo, participativo e envolvitivo. Mas isto é guerra? Luta? Sim.

Imagine a guerra que uma árvore trava até dar seus frutos, a renovação para todo ano prestar serviço de qualidade, enfrentando muitos contratempos e aquela insistente praga.

O verdadeiro CARÁTER, só pode vir com luta !!! Renovação de conceitos, valores, e ainda mais: Quebrar a tendência da pecaminosidade, onde a Bíblia nos mostra muita coisa. Controle da língua, Murmúrios, Preguiça, indolência, indefinições religiosas, mandos e desmandos, estudos e assim segue. Só mesmo com a orientação do Comando Geral "O Espírito Santo de Deus". Ver as Cartas de orientação às Igrejas.

A primeira fortaleza penso eu que devamos jogar fora, para colocar a de Deus é: A auto-desestima: Você só poderá amar ao próximo se estimar a si mesmo. Por Cristo muito nos estimar fez um Grande sacrifício. 

Jesus trouxe O CAMINHO, e não sentimento religioso. Vamos nos libertar? Desnudar das fortalezas do mundo e revestirmo-nos das armas do Espírito!

Vamos seguir o CAMINHO? Nos livrando daquela pesada mochila. Palavras mal aplicadas, pensamentos desorientados, desejos insanos e desvirtuados, autodesestima, religiosidade facciosa.

E lógico, não somos um poço de coisas ruins, precisamos aproveitar nossa fé para fortalecer o lado mais precioso das cousas. Trocar fortalezas que nos invalidam,  para colocar as armas da fé!

Como diz nosso dicionário Aurélio: Fortaleza = Força moral, energia, firmeza, constância, virtude dos fortes.

Bem, fortes com Deus, porque ainda estamos em um mundo onde há lugares guarnecidos, escondidos onde são fortalezas dos fora da lei.

Que Deus o tenha abençoado, acrescentado com esta leitura !!!

EAA




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...